IMAGINE O MUNDO SEM O NATAL!

Slide6Esta foi a série de mensagens do Natal 2014 da Igreja Presbiteriana Vila Alpes, seguida de uma cantata também chamada “Imagine o Mundo sem o Natal”. A cantata inspirada no filme clássico de Frank Capra “It´s a Wonderful Life”, (No Brasil: “A felicidade não se compra”) nos leva a imaginar o mundo sem o Natal. Uma experiência inesquecível para quem participou. No filme, o protagonista desanimado e desiludido com a vida deseja nunca ter nascido. Seu desejo foi concedido e ele pode retornar à sua cidade natal e ver como ela seria sem a sua existência. Se uma pessoa comum deixasse de nascer, isso já impactaria bastante a todos ao seu redor trazendo grandes mudanças, imagine se Jesus Cristo não tivesse nascido! Mesmo sendo impensável a possibilidade de Jesus não ter nascido, podemos dizer que em um determinado período, em um curto espaço de tempo, a humanidade experimentou o que seria o mundo sem Deus.

Em Gênesis cap. 3 temos o registro da humanidade rompendo seu relacionamento com Deus, quebrando a Aliança. No entanto, até que Deus restaurasse novamente o Seu relacionamento com o homem, prometendo um Salvador, o homem viveu sem esperança, sem Deus no mundo. Como resultado deste relacionamento quebrado, o homem se tornou autônomo e criou a primeira religião (uma religião sem Deus). v.7 “Abriram-se, então, os olhos de ambos; e, percebendo que estavam nus, coseram folhas de figueira e fizeram cintas para si.” Esta tentativa de cobrir a vergonha, o erro e a culpa através de algo produzido com as próprias mãos, pelo esforço e empenho humano, através de boas obras e sacrifícios é a base de todas as religiões criadas pelo homem durante a sua história. Evidente que nunca resolve seu problema espiritual, apenas ameniza superficialmente as consequências sem nunca atingir a causa do problema do homem.

Assim como ocorre com muitas religiões de hoje, na primeira religião criada pelo homem, o que imperava era o medo. Paradoxalmente, a religião se tornou um meio de se esconder e fugir da Sua presença e não se aproximar de Deus.  Como lemos: “Quando ouviram a voz do SENHOR Deus, que andava no jardim pela viração do dia, esconderam-se da presença do SENHOR Deus, o homem e sua mulher, por entre as árvores do jardim. E chamou o SENHOR Deus ao homem e lhe perguntou: onde estás? Ele respondeu: Ouvi a tua voz no jardim, e, porque estava nu, tive medo, e me escondi.” Gn. 3.8-10. Esta é a primeira vez que a palavra medo surge nas Escrituras Sagradas, como consequência do distanciamento de Deus.

Esta continua sendo a realidade para inúmeras pessoas que vivem sem Deus no mundo, como diz o Apóstolo Paulo: “Naquela época vocês estavam sem Cristo… sem esperança e sem Deus no mundo” (Ef 2.12). Mas não precisamos mais viver assim, pois o amor de Deus pelo homem foi revelado na promessa de perdão e restauração, a promessa do primeiro Natal: “Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente. Este te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.” Gên. 3:15  Conhecido como proto-evangelho, Deus promete que da descendência de Eva nasceria alguém que restauraria todas as coisas. O primeiro anuncio do nascimento de Cristo, o prenuncio do Natal!!!

Como um sinal de sua promessa Deus restaura seu relacionamento com o homem cobrindo a sua “vergonha” como lemos no v.21 “Fez o SENHOR Deus vestimenta de peles para Adão e sua mulher e os vestiu.” A Salvação do homem reside não em sua autonomia mas na “Providência de Deus”. Deus promete o natal e Deus cumpre a Sua promessa: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” João 3.16

Assista a primeira mensagem da série:

“O Mundo sem o Natal é como uma Religião sem Deus” Gênesis 3:7

Clipe da série:

Encerramento com a Cantata “Imagine o Mundo sem o Natal” assista os melhores momentos:

Anúncios

2 comentários em “IMAGINE O MUNDO SEM O NATAL!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s