O Cristão e a Cultura – Nem Separatismo, nem mundanismo

PAPO SOFA - 02 CRISTAO-CULTURA.jpg

2a Edição do Papo no Sofá (Encontro para um “bate papo” com os jovens no método dialético: Tema: “O Cristão e a Cultura – Nem Separatismo e nem Mundanismo”.

O CRISTÃO E A CULTURA
– Na primeira parte temos um panorama sobre o tema:
1. O mandato cultural: (O projeto inicial de Deus para nos envolver com a cultura, através da nossa vocação profissional, arte, ciência…),
2. A ruptura do homem negando a Deus e mudando os pressupostos e valores da cultura. Como o materialismo científico redefiniu todas as demais áreas do conhecimento (sociologia, psicologia, biologia, sexologia…).
3. Nosso chamado para redimir e transformar a cultura.

– Na segunda parte: Perguntas e respostas aplicando este tema para nosso dia a dia.

Anúncios

#PrayForAleppo #PrayForSyria

aleppo.jpg

Aleppo é a maior cidade da Síria e tem mais de 2 milhões de habitantes. O clamor recente por Aleppo se justifica devido o impressionante número de civis que estão sendo atingidos pelo conflito na região, mas desde a explosão da violência na Síria, em março de 2011, a guerra passou por uma escalada até se converter em um complexo “todos contra todos” entre governo, rebeldes, radicais islâmicos e potências estrangeiras. Por isso, esta não é uma guerra comum, e para compreender um pouco esta crise, ou pelo menos saber quem são os envolvidos, segue um breve esboço de quem apoia quem.

Primeiramente precisamos saber que as tropas do presidente sírio, Bashar Al-Assad, lutam contra cerca de mil grupos rebeldes, que teriam 100 mil combatentes. Alguns com forte tendência extremista e com vínculos com a Al-Qaeda. Em 2014 o “Estado Islâmico” entrou no conflito e luta contra todos, tanto contra o governo como os rebeldes. Este mapa do conflito pode mudar a qualquer momento, conforme avançam os conflitos, mas ajuda a ter uma visão panorâmica do problema:

151120100114_mapa_siria_624x485_isw_nocredit

Envolvidos no conflito:

1. Estados Unidos* (Com apoio do Canadá, França, Reino Unido e vários países árabes)

Opõe-se a: Bashar Al-Assad e Estado Islâmico (EI).

Apoia: grupos rebeldes considerados moderados e os curdos.

*Possivelmente muita coisa vai mudar com a eleição de Donald Trump em 2017.

2. Rússia

Opõe-se a: Estado Islâmico e outros rebeldes.

Apoia: Bashar Al-Assad.

3. Irã

Opõe-se a: Estado Islâmico e insurgentes sunitas

Apoia: governo de Bashar Al-Assad

4. Arábia Saudita

Opõe-se a: Bashar Al-Assad.

Apoia: rebeldes sunitas.

5. Turquia

Opõe-se a: governo de Bashar Al-Assad e separatistas curdos.

Apoia: coalizão liderada pelos EUA e rebeldes.

“Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranquila e mansa, com toda piedade e respeito. Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade.” (1a Timo 2.1-4)

Mais informações e Fontes:

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/11/151120_siria_entenda_tg

http://www.bbc.com/portuguese/internacional-38269558

Como ajudar o povo da Síria:

Aleppo está em chamas. Como ajudar?

 

COMO A REFORMA PROTESTANTE TRANSFORMOU O MUNDO OCIDENTAL

Calvin_City_Council_15491.jpg

Do livro: “Calvino e sua Influência no Mundo Ocidental” org. por W. Stanford Reid. Seus 16 capítulos nos mostram, de forma resumida e panorâmica, como que a Reforma Protestante se espalhou pelo mundo ocidental, especialmente através dos cristãos calvinistas, transformando e formatando a sociedade ocidental:

  • CAPÍTULO I – O CALVINISMO COMO UMA FORÇA CULTURAL
  • CAPÍTULO II – A PROPAGAÇÃO DO CALVINISMO NO SÉCULO XVI
  • CAPÍTULO III – SUÍÇA: TRIUNFO E DECLÍNIO
  • CAPÍTULO IV – A IDADE DE OURO DO CALVINISMO NA FRANÇA: 1533-1633
  • CAPÍTULO V – CALVINO E O CALVINISMO NOS PAÍSES BAIXOS
  • CAPÍTULO VI – A IGREJA REFORMADA DA ALEMANHA
  • CAPÍTULO VII – A REFORMA HELVÉTICA NA HUNGRIA
  • CAPÍTULO VIII – CALVINO E A IGREJA ANGLICANA
  • CAPÍTULO IX – PURITANISMO NA INGLATERRA
  • CAPÍTULO X – A CONTRIBUIÇÃO DO CALVINISMO NA ESCÓCIA
  • CAPÍTULO XI – ORIGENS “CRISTÃS” DA AMÉRICA:
  • CAPÍTULO XII – OS IRLANDESES-ESCOCESES NA AMÉRICA
  • CAPÍTULO XIII – O CALVINISMO HOLANDÊS NA AMÉRICA
  • CAPÍTULO XIV – A INFLUÊNCIA DE CALVINO NO CANADÁ
  • CAPÍTULO XV – O IMPACTO DO CALVINISMO NA AUSTRALÁSIA
  • CAPÍTULO XVI – O CALVINISMO NA ÁFRICA DO SUL

CAPÍTULO I – O CALVINISMO COMO UMA FORÇA CULTURAL

Calvincalvo compreendeu que em seu tempo a origem do Estado nacional moderno, o surgimento do comércio burguês internacional, o desenvolvimento da classe moderna e a expansão do mercado monetário exigiam a liberação do empréstimo de dinheiro a juro, oque era condenado pela Igreja Católica. Levantou-se também contra os abusos de poder e muitas outras questões de seu tempo. Com isso percebemos que o Calvinismo teve como propósito, não só a reforma na doutrina, na vida individual e na vida da Igreja, mas também a transformação de toda a cultura. No Calvinismo não há dicotomia entre cristianismo e cultura. Toda a vida inclusive a cultura tem sentido somente quando está sujeita a Deus e a Sua Lei. Vemos a atitude positiva do Calvinismo para com a cultura ao promover o gosto pelas artes Liberais, crendo que elas eram essenciais à formação do homem e ao desenvolvimento de sua humanidade. Também a retórica, as ciências naturais, a arte a música eram apoiadas por Calvino.

Continuar lendo “COMO A REFORMA PROTESTANTE TRANSFORMOU O MUNDO OCIDENTAL”

ABORTO: Pense nisso!

abortion-woman-and-infant-rope

Todos os dias assistimos na mídia uma propaganda em favor do aborto, estatísticas alarmantes são postadas em favor do aborto, grupos dos direitos da mulher se posicionam ferozmente a favor do aborto: Meu corpo, minhas regras! Mas vamos ver um pouco o outro lado? Apenas algumas informações para você pensar:

Você sabia que nos países onde o aborto é legalizado, muitos bebês abortados nascem vivos e logo em seguida são estrangulados pelos abortistas até a morte e alguns com mais de 7 meses? Você que isso só parou depois que uma lei relativamente recente do governo americano proibiu esta prática? Assista este impressionante depoimento de Gianna Jessen (Abortion Survivor), nascida durante um aborto por envenenamento salino e salva por esta lei:

Você sabia que nos Estados Unidos o aborto é a maior causa de morte?

13516668_1313938631969037_2988718267314846121_n

As mentiras contadas pelos grupos que defendem a legalização do aborto são claramente detectáveis:

Você conhece o real interesse das empresas pró-aborto? A venda de órgãos dos fetos abortados (Cérebro, Coração e até couro cabeludo). Veja este link: VENDA DE ÓRGÃOS DE BEBÊS, e um VÍDEO FLAGRADO COM A NEGOCIAÇÃO DOS ÓRGÃOS DOS BEBÊS!

Você sabia que no Brasil, mesmo havendo negado nas eleições que pretendia legalizar o aborto, a presidente Dilma Roussef tinha intenções de legalizar esta prática, e como sabemos, uma das grandes defensoras do aborto no Brasil foi Ministra das Políticas para Mulheres no seu governo, Eleonora Menecucci. Segue um link para maiores informações sobre a ex-ministra: Entrevista chocante com a abortista Eleonora.

Você sabia que as estatísticas sobre abortos clandestinos são manipuladas para convencer a população? Conheça as reais intenções por detrás dos movimentos pró-aborto, veja o vídeo da Especialista Isabela Mantovani que apresenta números estatísticos reais a respeito do aborto:

BANALIZAÇÃO DO SEXO + BANALIZAÇÃO DO CRIME = ESTUPRO COLETIVO

1457435297902O Brasil está chocado com o caso dos mais de 30 jovens que estupraram uma menor de 16 anos na Zona Oeste do Rio de Janeiro em maio de 2016, e postaram na internet o crime. Eu também estou chocado, mas não surpreso, pois esta é mais uma típica tragédia anunciada. Quando um homem estuprava 30 mulheres (lembra do maníaco do parque?) já era um choque, mas sempre encontrávamos justificativas, tipo: ele deve ter sido abusado na infância, tem problemas mentais, etc… Mas 30 homens abusando de uma menor e postando na internet!!!!???? Não é comum em nossa cultura! Será que os 30 foram abusados na infância, são doentes mentais, etc.??? No mínimo devemos admitir que está havendo uma “mudança cultural” deste tipo de crime no Brasil, e isto é o que mais chocou os brasileiros! Quanto a moça, não sabemos detalhes e possivelmente nunca saberemos o que realmente aconteceu. Novas fotos estão sendo publicadas, que sugerem que a menina estava de alguma forma envolvida com o crime, armada e usando drogas, mas isto não importa no momento, misericórdia é a palavra certa, e nossa atitude deve ser nossa oração por ela e por sua família, para que ela consiga reconstruir a sua vida e tomar novos rumos.

Primeiro, preciso dizer que nada, absolutamente nada justifica o estupro! Mesmo que o indivíduo seja doente mental, atormentado por um espírito (acredite, foi a desculpa do maníaco do parque), independente da roupa da mulher, se traiu o namorado (uma das possibilidades neste caso mais recente), etc, para mim não existe desculpa, todos os 30 devem ser punidos individualmente, severamente e exemplarmente!  Mas há uma outra discussão que surge, a questão cultural. Alguns chamam de “cultura do estupro”, os movimentos feministas saíram na rua levantando plaquinha “meu corpo, minhas regras”, dizendo que a culpa é dos homens, da cultura patriarcal, tradicional, já tem gente postando que a culpa é dos cristãos, da mentalidade dos conservadores, etc, etc, etc… PARA, PARA, PARA TUDO! Esta inversão já beira a demência! Não podemos negar que o machismo existe, que há casos que são notoriamente motivados pelo machismo, que a violência contra a mulher é real e no Brasil é chocante, mas este caso é peculiar. E se vamos falar de questões culturais, vamos aos fatos:

1. BANALIZAÇÃO DO SEXO: Primeiro, antes de acusar os conservadores, precisamos lembrar que os chamados “conservadores” é que são justamente contra esta banalização e revolução sexual promovida em nossa cultura. Eles pregam que o sexo deve ser entre um homem e uma mulher, que deve haver compromisso e amor. São os conservadores quem mais ensinam seus filhos, suas crianças e jovens a amarem e respeitarem o sexo oposto, que sexo é para um compromisso de amor, com a pessoa certa na hora certa! Agora, bem diferente disso: Não é a esquerda liberal que prega uma revolução cultural e sexual? Não são eles que querem o sexo livre? Não são eles que dizem: “Se o corpo é meu, faço o que quiser com ele”? Façam sexo com quem quiser, na hora que quiser, pelo motivo que quiser, com quantos quiser, do jeito que quiser… A esquerda liberal ensina que nem mesmo sexo definido temos mais (a famosa ideologia de gênero que ensina que não nascemos homem ou mulher, mas nos tornamos homens ou mulheres). Esta teoria vem sendo ensinada de forma irresponsável e precocemente para crianças desde a primeira infância, causando transtornos irreversíveis como vem sendo comprovado nos países que aderiram a esta ideologia. (Veja o exemplo do Reino Unido: 1000% de aumento em casos de transtorno das crianças após serem aliciadas na ideologia de gênero). Esta revolução cultural e sexual tão aclamada e celebrada em nossos tempos está sendo promovida frenética, precoce e irresponsavelmente em todas as esferas da cultura. Quer seja na cultura de massas ou mesmo na alta cultura. Vemos o resultado desta revolução sexual na cultura do baile funk, por exemplo, onde as crianças fazem sexo e usam drogas no meio da rua! Há casos de crianças de 10 anos grávidas após participarem destes bailes e não sabem quem é o pai!? Fazem “trenzinho” de sexo em bailes funk com até dez parceiros e sem preservativo. Mesmo na “alta cultura” o sexo e a violência contra as mulheres é celebrada descaradamente. Veja esta campanha publicitária da Dolce & Gabbana, ela foi proibida em alguns países, enquanto que aqui nem percebemos a sutileza.

rs_1024x682-150317085233-1024.dolce-gabbana-gang-bang_copyEsta revolução sexual é defendida em todas as esferas, nas mídias pelos publicitários, nas universidades pelos especialistas em revolução ideológica, nas políticas públicas pela esquerda liberal… Já deram até nomes novos para práticas antigas, outrora condenadas pela humanidade, depois que experimentamos seus efeitos nocivos e irreversíveis na sociedade. Nomes bem polidos, vejamos:
– Sexo livre sem gênero pode?? Sim, isso se chama SEXO FLUIDO!!!
– Sexo coletivo com vários pode?? Sim, isto se chama “POLIAMOR”!!!
– Sexo com menores pode??? Sim, isto se chama “AMOR DE GERAÇÕES” (Nome que os liberais inventaram para a pedofilia), e assim por diante!!
Observe que caiu a barreira do GÊNERO, depois a do NÚMERO e agora a da ESPÉCIE, pois acredite, já existem passeatas pró-zoofilia (sexo com animais), promovidas pela esquerda liberal no mundo: Sexo do homem com animais pode? Sim, isso se chama “ZOOFILIA”!!!

Quem me conhece um pouco mais sabe que luto contra toda forma de homofobia, respeito aqueles que pensam diferente, especialmente os homossexuais. Creio que precisamos garantir a eles direitos essenciais pois são cidadãos iguais, pagam seus impostos e tem seus direitos, etc… Naturalmente que não é esse o problema, conheço muitos homossexuais que não querem uma “revolução sexual”, querem viver sua vida em paz e serem respeitados, e precisamos garantir isto a eles. Mas precisamos lutar contra esta negação da razão que a revolução sexual defende e promove, contra esta militância desconstrutiva e doente que assola a sociedade. O homem se tornou, sexualmente,  um animal “irracional” e o resultado está sendo amargo.

Bom, mas alguém vai dizer: “Mas eles não apenas cometeram sexo banal, coletivo, deformado e animalesco… eles cometeram foi um crime, foi um abuso, foi estupro coletivo!!!” Claro, concordo e por isso ainda não terminei, tem a segunda parte:

2. BANALIZAÇÃO DO CRIME: Precisamos lembrar que são justamente os conservadores que lutam por uma punição mais severa contra estupradores e outros crimes hediondos!! Lutam contra esta relativização e justificação do crime!! Contra a impunidade deste tipo de criminoso!! Eles defendem até castração química, por exemplo (não que eu defenda, necessariamente). E a esquerda liberal, como ela lida com o crime no Brasil? Vamos aos fatos:

Neste crime que recentemente chocou a sociedade, os estupradores postaram uma selfie na internet sem medo algum das autoridades!!! Confiam na impunidade, pois sabem que a esquerda liberal sempre os defendeu e os defenderá, pois são todos “vítimas do sistema, da sociedade capitalista e opressora!” Os estupradores confiam nos direitos humanos, ou já esquecemos do caso Champinha (2003), que estuprou com outros comparsas a jovem Liana Friedenbach e a degolou cruelmente? Não podemos esquecer que foi a esquerdista liberal Maria do Rosário que defendeu ferozmente o estuprador, uma pobre vítima da sociedade! Esta relativização e justificação do crime gera a impunidade e os criminosos não só sabem disso, mas usam e abusam disso! A esquerda liberal dilui o crime no coletivo e os criminosos praticaram um crime coletivo, seguindo a onda!!! Nos últimos anos o crimes coletivos foram de certa forma até incentivados, promovidos por uma política pública que defende os criminosos! Estão defendendo todo tipo de criminalidade, especialmente a coletiva! Todos viram que diante das câmeras e dos governantes foi anunciado pelos movimentos de esquerda que eles iriam invadir e destruir as propriedades privadas e pasmem, eles fizeram!! Invadem, matam, destroem, queimam e são defendidos no final! Seus crimes são justificados e relativizados!!  Teríamos milhares de exemplos, mas todos sabem que o crime no Brasil está banalizado, relativizado, justificado, coletivizado… e garanto que este não é um discurso dos “homens conservadores”, e sim, da esquerda liberal que promove esta barbárie!!!

Agora, vamos juntar estas duas realidades, a banalização do sexo e a banalização do crime e ver no que dá? Pensemos um pouco: Se a revolução sexual na “Europa Educada”, onde os presídios fecham as portas por falta de presos, já está sendo um desastre, imaginemos isso aqui no Brasil!! Já pensou? Some a isso, a banalização e relativização do crime e o resultado é NITROGLICERINA PURA!!! Loucura total!!! A maioria dos estupradores desta menina tinham cerca de 18, 19, 20 anos, ou seja, é uma nova geração de criminosos, gerados por uma nova cultura que surgiu no Brasil, que foi semeada nos últimos anos por esta esquerda liberal. Estamos colhendo os primeiros frutos da “banalização do sexo” somada a “banalização e relativização do crime”!!! Lamento, mas temo que isto seja só o começo.

A violência contra a mulher é real e no Brasil é chocante, mas dizer que “dentro de todo homem há um estuprador”, que o discurso “conservador” é a causa da violência, etc, é fugir da raiz do problema. Este não é mais um típico caso de machismo tradicional masculino, se fosse (o que condeno também, obviamente) o perfil do crime seria outro,  o jovem traído (se é verdade isso) iria pessoalmente tomar satisfação com a menina, prática repetida no Brasil e igualmente condenável.  Definitivamente, este não é o caso, por isso, as feministas deveriam abaixar as plaquinhas, parar de fazer afirmações desconectadas da realidade e repensar a vida! Repito, nada justifica esta atrocidade e esperamos que todos sejam pessoalmente punidos! Mas quanto ao problema cultural, temos muito que repensar, pois o novo mundo que queriam criar, a revolução cultural e sexual que queriam implantar na sociedade, inegavelmente não deu certo. Há limites na natureza que não podem ser rompidos e precisam ser conservados, pois possivelmente a humanidade não suportará as consequências. Os conservadores não são os retrógrados reacionários como dizem, mas são os visionários que percebem os limites, e possivelmente, as últimas vozes que alertam a humanidade a cerca destes limites.

Desafios da Família no Século 21

desafios na familia

No mês de Maio, mês da família, iniciamos uma série de estudos sobre os desafios que as famílias enfrentam no século 21. Os desafios são muitos, e temos acompanhado uma árdua campanha contra a família em todas as esferas.

As drogas estão assolando os jovens, as crises e desgastes no relacionamento conjugal abalam o casamento, a relativização dos valores estão destruindo as famílias como nunca antes. As políticas públicas claramente trabalham mais contra do que a favor da família. A liberação das drogas, a promoção do aborto, o incentivo e apoio das ideologias marxistas anti-família, anti-cristã e anti-Deus, como a ideologia de gênero por exemplo, foram descaradamente promovidas nos últimos anos pelo governo como nunca antes na história deste país. O Marxismo Cultural invadiu as escolas e lares e há anos vem desconstruindo todos os valores universais, um por um, sem que muitos pais percebam. A doutrinação ideológica das crianças nas escolas está sendo cada vez mais precoce. O feminismo tem feito a cabeça das meninas de mente fraca, sem que elas percebem quantos prejuízos que estas “mentiras intelectuais” irão lhe trazer.

Como pastor e responsável pelas famílias, sempre serei tentado a me calar e pregar mensagens mais palatáveis e agradáveis, falar apenas do amor de Deus e de suas promessas, e assim manter o povo alienado, prática muito comum em nossos dias e uma das maiores características dos falsos profetas, pois os verdadeiros profetas sempre combateram os erros de seu tempo sem temor dos homens, mas por temor a Deus. Na maior parte do ano estudamos assuntos relacionados com o amor de Deus e suas promessas, mas não podemos perder a oportunidade de alertar e “vacinar” as famílias daquilo que é urgente e grave em nosso tempo.

Por que será que as crianças estão sendo aliciadas cada vez mais cedo pelas ideologias venenosas de nosso tempo? Ora, já dizia a Palavra de Deus: “Ensina a criança no caminho… pois depois disso ela não irá se desviar deste caminho, ensinamento, mentalidade!” Assim, a doutrinação e manipulação está sendo cada vez mais cedo, as apostilas governamentais são preparadas para crianças de 4 anos em diante, com conteúdo claramente doutrinador. Vejamos o que diziam os pensadores e filósofos do passado:

“E não sabes que o começo, em todas as coisas, é sempre o mais importante, mormente para os jovens? Com efeito, é sobretudo nessa época que os modelamos e que eles recebem a marca que pretendemos imprimir-lhes. Sendo assim, vamos permitir, por negligência, que as crianças ouçam as primeiras fábulas que lhes apareçam, criadas por indivíduos quaisquer, e recebam em seus espíritos entender, quando forem adultos? Portanto, parece-me que precisamos começar por vigiar os criadores de fábulas, separar as suas composições boas das más. Em seguida, convenceremos as amas e as mães a contarem aos filhos as que tivermos escolhido e a modelarem-lhes a alma com as suas fábulas muito mais do que o corpo com as suas mãos. Mas a maior parte das que elas contam atualmente devem ser condenadas.” (Diálogo de Sócrates em A REPÚBLICA de Platão sec IV a.C.)

A preocupação no passado era crivar e filtrar aquilo que ensinavam para as crianças enquanto elas ainda não tinham discernimento e capacidade de separar e julgar o certo do errado. Se isso era feito no século IV a.C., quanto mais agora em pleno século 21 ?

A Primeira Mensagem foi dirigida aos pais no dia das Mães. Esta mensagem serve como uma introdução ao assunto pois vemos nela as raízes marxistas e ateias em todas as ideologias do nosso tempo, especialmente na desconstrução des valores universais.

1a Mensagem: As Raízes Marxistas da Revolução Sexual e Familiar no Século 21

2a Mensagem: Não desista da sua família, lute por ela. (1a Samuel 30)

3a Mensagem: “Morte na Panela” (2a Reis 4) Nossa família pode estar sendo envenenada com emoções negativas, com mentiras intelectuais (ideológicas) e heresias espirituais. 

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE AS MENTIRAS INTELECTUAIS DE NOSSO TEMPO:

  1. ABORTO:

Nesta série de estudos falamos sobre as “Mentiras Intelectuais” que envenenam as famílias, especialmente as mentiras sobre temas como o aborto, a legalização das drogas e ideologia de gênero. As mentiras contadas pelos grupos que defendem a legalização do aborto são claramente detectáveis. Como sabemos, uma das grandes defensoras do aborto foi Ministra das Políticas para Mulheres do Brasil, Eleonora Menecucci que ficou famosa por sair na foto atrás de Dilma no dia da saída do seu governo em 2016. Segue alguns links para maiores informações: Entrevista chocante com a abortista Eleonora. Conheça o real interesse das empresas pró-aborto que é a venda de órgãos dos fetos abortados (Cérebro, Coração e até couro cabeludo): Veja este link: VENDA DE ÓRGÃOS DE BEBÊS, e um VÍDEO FLAGRADO COM A NEGOCIAÇÃO DOS ÓRGÃOS DOS BEBÊS! Saiba como que as estatísticas são manipuladas para convencer a população e conheça as reais intenções por trás dos movimentos pró-aborto, veja o vídeo da Especialista Isabela Mantovani apresenta números estatísticos a respeito do aborto:

2. IDEOLOGIA DE GÊNERO:

Sobre este assunto, muitas mentiras, meias verdades e muita informação é ocultada da população. Sem dúvida que precisamos combater a homofobia, mas certamente não será com a equivocada e anti-científica Ideologia de Gênero. Esta imagem nos mostra como que o governo está implantando na sociedade esta ideologia.

13239394_711176449024386_2885695169496883546_n
Veja o resultado desta ideologia no Reino Unido (aumento de até 1000% de crianças com transtornos) Ideologia de Gênero no Reino Unido. A Associação de pediatria dos EUA declara-se formalmente CONTRA A IDEOLOGIA DE GÊNERO.  Na Na Alemanha, a polícia prende por 40 dias os pais de crianças que não foram à aula de ideologia de gênero. A ex-feminista Sara Winter confirma, a ideologia de gênero tem o propósito de destruir a família.

3. LEGALIZAÇÃO DAS DROGAS:

A legalização das drogas e especialmente da maconha é uma das grandes bandeiras da esquerda no mundo, mas ninguém diz que a maconha:

1. Aumenta em 310% a esquizofrenia incurável nos jovens;
2. Diminui 8 pontos no Q.I. dos jovens;
3. Prejudica estruturação da personalidade;
4. Causa depressão e bipolaridade;
5. E sobre o uso medicinal da maconha, outra grande mentira, pois a maconha tem mais de 400 substâncias e o uso medicinal é sintetizado e separado o canabidiol para uso medicinal, e não todas as substâncias;

Muitos países hoje já reconhecem o erro que cometeram com a liberação da maconha, conheça o caso da Holanda “Holanda ‘arrependida’ com a liberação da maconha e da prostituição. 67% da população é, agora, a favor de medidas MENOS liberais.” Assista este vídeo com o psiquiatra Valentim Gentil Filho que foi o entrevistado do Roda Viva e conheça a verdade ocultada dos movimentos pró-maconha:

O POPULISMO POLÍTICO E RELIGIOSO

pop1
O “Cientista da Religião” (curso que iniciei no Mackenzie/SP), é bem diferente do “Teólogo” (minha formação básica) pois me permite pesquisar os grupos e movimentos de forma mais isenta, sob um escopo mais científico, sociológico e psicológico.
Minha paixão por política e sociologia, aliada aos estudos da ciência da religião e da teologia, me permitiram perceber a incrível semelhança entre o fenômeno do populismo religioso e político. Na história recente da América Latina vimos de forma muito evidente estes dois fenômenos aflorarem como nunca antes. Desde a Argentina com Cristina Kirchner até a Venezuela com Hugo Chávez, assim como o próprio Brasil, experimentaram na pele a ascensão e queda do populismo. Nas instituições políticas ou religiosas, através de movimentos religiosos típicos do terceiro mundo, ficou empiricamente evidente para todos nós latinos, como o populismo religioso e o populismo político, são semelhantes em quase todos os seus aspectos. Destaco apenas alguns:
1. AS INSTITUIÇÕES NO POPULISMO: Observa-se, por exemplo, que ambos menosprezam (quando convém) as instituições, pois os populistas acreditam que de fato estão acima delas.
2. O DISCURSO NO POPULISMO: O discurso invariavelmente é egocêntrico, demagogo e cheio de falácias claramente detectadas pelos de fora, mas raramente pelos de dentro, tanto no meio religioso como no meio político.
3. A MANIPULAÇÃO NO POPULISMO: Em casos extremos, o populista passa a discursar conscientemente apenas para os seus conversos (religiosos ou políticos), manipulando os de dentro e desprezando descarada e totalmente a lucidez dos de fora, (desprezando em casos extremos até mesmo a justiça, as leis, a ética…) pois, embebido mais na emoção do que na razão, seu conteúdo delirante, suas práticas contraditórias, fundamentadas em argumentos e justificativas alucinantes, só encontram repouso em mentes fanatizadas e exaustivamente exercitadas nas idéias equivocadas de seu líder cultuado, político ou religioso.
4. O DISCÍPULO DO POPULISMO: O tópico anterior explica a manifesta e evidente cegueira intelectual do discípulo do populismo, pois mesmo diante de evidências e fatos irrefutáveis, ele permanece inamovível em seus pensamentos. Para os de fora, esta cegueira intelectual é tão inconcebível e bizarra, que parece até imoral, mas há razões para se crer que não é o caso, pois com o tempo descobrimos que boa parte desses reféns religiosos ou ideológicos são mais vítimas que vilões.
Lamentavelmente, a experiência tem mostrado que, salvo raras exceções, este estado patológico de pensamento e comportamento é quase irreversível, o que garante para o populista muito fôlego, já que o populismo, tanto religioso como político, só pode subsistir graças a existência e o apoio das massas fanatizadas.
Quando uma imagem fala mais que mil palavras:
20228950_934697580003000_3124425475944448384_n